Decorre entre os dias 23 a 27 de agosto a 11.ª edição do Gravíssimo! – Festival e Academia Internacional de Metais Graves promovido pela Banda de Alcobaça em parceria com a Câmara Municipal de Alcobaça e a Direção-Geral do Património Cultural/Mosteiro de Alcobaça.

«Este ano vai ser um pouco melhor do que no ano passado, estamos a contar já ter concertos ao vivo, ao ar livre», adiantou a O Portomosense o músico Sérgio Carolino (Tuba), que faz parte da direção artística junto com Hugo Assunção (Trombone). Esta 11.ª edição do Gravíssimo! volta a apostar na «versatilidade dos instrumentos de metais graves, como a tuba, eufónio e trombone», apresentando «artistas apenas oriundos da Europa, para evitar situações que possam ser mais complicadas», devido à pandemia da Covid-19, conforme explicou o diretor. O festival vai apostar novamente na vertente académica, com masterclasses e whorkshops, depois de ter sido cancelada na edição anterior. Na programação desta edição ficam de fora «as exposições, a feira de instrumentos musicais com várias marcas que viriam expor, para evitar a troca de instrumentos e confusão», mas é compensada com «conferências, além das já confirmadas participações de artistas nacionais e estrangeiros e também da componente de formação», apontou o responsável.

«Há algumas limitações, mas o festival tem de continuar, a vida continua, temos de nos adaptar até as coisas melhorarem, estamos positivos», disse Sérgio Carolino, acrescentando que «as pessoas estão ávidas de sair, de ver concertos, cansadas de não poderem conviver», e que por isso as alterações que estão a ser feitas no âmbito deste festival «são alterações do momento que estamos a viver, para que as pessoas se sintam confortáveis e seguras, que possam desfrutar do concerto», sublinhou Sérgio Carolino.

«Assinalando uma nova etapa em mais de 10 anos de existência, o Gravíssimo! apresenta-se nesta edição com uma imagem totalmente renovada. Colhendo inspiração na representação gráfica da
tabela periódica dos elementos, a nova marca torna a ir ao encontro do espírito arrojado e irreverente do seu público», refere a nota de imprensa divulgada pela organização.

As inscrições para a 11.ª edição estão abertas (www.gravissimofestival.com), com dois períodos de inscrição, sendo que o último termina a 15 de julho, podendo ser consultados no site oficial o regulamento e a ficha de inscrição. O número de participantes é limitado, de modo a permitir que o festival se realize cumprindo todas as normas de segurança.

Isidro Bento | revisão