Quinhentos euros é quanto o Município de Porto de Mós irá oferecer por cada criança nascida no concelho no próximo ano. A proposta foi levada a votação na última reunião camarária para posteriormente ser publicada para discussão pública. O objetivo do executivo é que o regulamento entre em vigor já «a partir do dia 1 de janeiro de 2021».

«Apoiar a fixação de jovens» no concelho de Porto de Mós, «apoiar a natalidade» e «apoiar o comércio local» são as principais diretrizes desta proposta que prevê a oferta de um cartão para compras no comércio local» que será dividido em três vezes: no primeiro ano, os pais da criança receberão 250 euros; no segundo ano, o valor dado é de 150 euros e no terceiro e último ano, será entregue o restante montante do apoio, ou seja, 100 euros.

«Se eventualmente sair de Porto de Mós neste meio tempo, deixa de poder usufruir do apoio correspondente desse ano. No entanto, não vamos cobrar o que já compraram antes», esclareceu o presidente da autarquia, Jorge Vala.