O treinador do Condestável Atlético Clube, Hugo Sancho, recebeu um cartão branco pelo desportivismo e fair-play demonstrado durante um jogo de infantis frente ao Núcleo SCP Pombal. O caso ocorreu no passado dia 2 de abril, na Redinha (Pombal), quando na sequência de um lance «extremamente rápido», a equipa de São Jorge marcou golo no momento em que um jogador da equipa adversária estava lesionado, sem que nenhum dos árbitros se tenha apercebido de que havia um jogador caído dentro de campo. «O jogo seguiu, a equipa de arbitragem não achou que [o lance] fosse merecedor de falta e o golo foi validado», conta Hugo Sancho. Perante o sucedido, o treinador, não satisfeito e considerando a situação injusta, decidiu pedir aos seus jogadores que permitissem o repor da diferença de resultado no marcador, «retribuindo, assim, o golo à equipa adversária». «Seria injusto conseguirmos um golo num momento de vantagem numérica quando o miúdo estava lesionado», afirma, acrescentando que essa foi uma decisão conjunta de toda a equipa e que embora o cartão branco tenha sido mostrado ao treinador, esse cartão foi para «toda a equipa».

Para o também coordenador e responsável pela escola de formação de fustal do Condestável AC, esta atitude ganha especial relevo sobretudo porque considera ser uma forma de mostrar aos atletas, com idades entre os 12 e os 13 anos, que por vezes a vitória não é o mais relevante num jogo. «Mais importante do que estar a incutir aos nossos jogadores que a vitória é o mais importante, certos gestos mostram a solidariedade – que tem de haver entre eles – porque muitos deles são amigos», considera.

A situação aconteceu quando faltavam cerca de sete minutos para o jogo acabar. No fim, o árbitro Nuno Matias decidiu que o exemplo de fair-play, demonstrado pelo treinador Hugo Sancho devia de ser premiado e mostrou-lhe o cartão branco [recurso criado pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF) que visa enaltecer condutas eticamente corretas]. «O desporto e o futsal de formação sai a vencer nestes casos», acredita. O jogo terminou com a vitória dos jovens do clube de São Jorge por 6-5.