Foi arquivado o caso denominado “Jogo da Mala” que envolvia três clubes do concelho, o CCR Alqueidão da Serra, a AD Portomosense e a UR Mirense e também o Beneditense. Em averiguação estiveram os jogos da última jornada da Divisão de Honra, a 19 de maio, que ditaram a descida do Beneditense e a manutenção do Mirense e que envolviam os quatro emblemas. O clube da Benedita acusava os três clubes do concelho de um alegado esquema com ofertas ou solitação de dinheiro como forma de incentivo para ganhar os respetivos jogos, de forma a que o Beneditense descesse de divisão. Os jogos em causa terminaram com a derrota do Beneditense por 1-0 no Alqueidão da Serra e com um empate a três golos entre o Portomosense e o Mirense.

Depois de arquivado o caso, falámos com os presidentes dos três clubes de Porto de Mós para uma reação a este desfecho. O presidente do Alqueidão da Serra, António Carvalho, acredita que o arquivamento do caso «era a única coisa a fazer» no que considera uma «garotice sem pés nem cabeça». O dirigente afima ainda que o Alqueidão «fez o seu papel e cumpriu aquilo que é o princípio do desporto, ganhar», acrescentando que este tipo de suspeições «não é positiva para o futebol de Leiria». Da mesma opinião partilha Filipe Miguel, presidente do Portomosense que afirma que este tipo de «alegações não fazem qualquer sentido» nestes escalões de futebol com equipas regionais. Filipe Miguel diz ainda que estas situações criam «suspeição» no futebol. Já António Lima, presidente do Mirense frisa que o processo foi arquivado «porque nunca conseguiriam reunir provas» uma vez que «não havia nada, nem nunca houve, de anormal». O dirigente foi mais duro nas palavras ao dizer que só «mentes muito porcas e pessoas com sentimentos obscuros» punham em causa aquilo «que o Mirense conseguiu» e afirma que «era bonito que o Beneditense se retratasse».

Recorde-se que o Beneditense chegou a ameaçar sair da Associação de Futebol de Leiria (AFL) caso não resultassem deste caso quaisquer punições para os clubes investigados. No entanto, a equipa vai mesmo manter-se na AFL, uma vez que já está inscrita nas competições da próxima época, como confirmou ao nosso jornal fonte da AFL.