É caso para dizer que “o bom filho a casa torna”. Natural da Calvaria de Cima, Maria Pereira, jogadora de andebol profissional está de regresso a Portugal para representar o SIR 1.º Maio/ADA CJB, o 11.º classificado da I Divisão Feminina 2020/21, depois de nos últimos seis anos ter competido em diversos campeonatos internacionais. A central, de 30 anos, foi a primeira contratação anunciada pelo emblema da Marinha Grande para a época 2021/2022, clube onde esteve durante oito temporadas e que apenas deixou para dar início à sua aventura no estrangeiro, em 2015. Primeiro jogou em França, no HAC Le Havre, depois esteve na Islândia, onde representou o Haukar, e nas duas últimas temporadas esteve na Alemanha ao serviço do Bad Wildungen. Esta vinda para território nacional já era esperada, uma vez que, recorde-se, em maio, numa entrevista a O Portomosense, a atleta já confessava o desejo de muito em breve regressar a Portugal para assim, estar mais perto da família.

Maria Pereira integra também a seleção nacional de andebol feminino, sendo a jogadora com mais internacionalizações e tendo sido convocada para o play-off do Campeonato do Mundo 2021.