Início » Morreu Noa, bebé de Mira de Aire que sofria de doença rara

Morreu Noa, bebé de Mira de Aire que sofria de doença rara

9 Outubro 2019
Jéssica Moás de Sá

Texto

Partilhar

Jéssica Moás de Sá

9 Out, 2019

Noa, de 13 meses e que desde os cinco lutava contra uma atrofia muscular espinal tipo 1 faleceu esta quarta-feira. A bebé, cujo os pais residiam em Mira de Aire, encontrava-se de momento internada no Centro Hospital Universitário de Coimbra, onde estava a ser acompanhada desde o seu diagnóstico. Vários tinham sido os apelos dos pais de Noa, através das redes sociais para conseguir donativos para custear todos os tratamentos necessários. A bebé estava prestes a receber «o medicamento mais caro do mundo», o zolgensma, autorizado pelo Infarmed, o mesmo que foi ministrado a Matilde e Natália, duas bebés com a mesma doença.

Os pais de Matilde, tinham oferecido, recentemente, aos pais de Noa 156 sessões de fisioterapia e terapia da fala, o que correspondia a um ano inteiro de tratamentos.

Assinaturas

Torne-se assinante do jornal da sua terra por apenas: Portugal 19€, Europa 34€, Resto do Mundo 39€

Primeira Página

Publicidade

Este espaço pode ser seu.
Publicidade 300px*600px
Half-Page

Em Destaque