Está já em fase de votação o Orçamento Participativo 2021 de Porto de Mós (OP). Desde o passado dia 16 e até 31 de agosto, seis propostas estão a escrutínio dos portomosenses. São elas Campo de Padel – Juncal, Requalificação da Lagoa da Portela do Vale de Espinho, Requalificação da “Eira da Maquina” – Entrada Sul de Serro Ventoso, Requalificação do Circuito de Manutenção – Pedreiras, Pinhal do Povo e Via Pedonal da Lapa – Alqueidão da Serra.

Este ano foram implementadas algumas mudanças no processo do OP, focando-se sobretudo na fase de votação. Assim sendo, pela primeira vez, os munícipes poderão votar em dois projetos – nos anos anteriores apenas podiam escolher um – e devem fazê-lo através do site oficial (op.municipio-portodemos.pt) ou presencialmente em Assembleias Participativas que terão lugar nas Juntas de Freguesia em data e horário ainda a definir. Junto a esses locais, onde será feito o voto presencial, não poderá existir publicidade aos projetos. A proposta mais votada será integrada no Orçamento Municipal e no Plano de Atividades do Município, como vem já sendo regra. Caso o vencedor não atinja o valor total previsto para este OP (75 mil euros), há a possibilidade de ser executado o segundo projeto mais votado, não podendo a soma dos dois exceder esse valor.

À semelhança de anos anteriores, O Portomosense apresenta aqui cada uma das propostas, de acordo com a descrição feita na candidatura e patente no site do OP.

Campo de Padel – Juncal

Freguesia: Juncal
Proponente: Nuno Rafael Raimundo Santana

O projeto proposto por Nuno Santana prevê a «instalação de um campo de padel na zona desportiva do Juncal, junto ao Pavilhão Municipal do Juncal», de acordo com a descrição do site oficial do Orçamento Participativo.
O padel é um desporto de raquetes, praticado em pares e com um sistema de jogo semelhante ao ténis. Originário de Acapulco, México, onde surgiu nos anos 60 do século passado, foi apenas em meados do ano 2000 que passou a ter alguma visibilidade em Portugal, nomeadamente no sul do país.

Requalificação da Lagoa da Portela do Vale de Espinho

Freguesia: União de Freguesias de Arrimal e Mendiga
Proponente:
Gonçalo Costa Cordeiro

Esta proposta foi já candidata duas vezes, nos anos de 2018 e de 2020. De acordo com o proponente, «ao invés de estar completamente abandonada e sem valor, esta antiga lagoa pode ser recuperada e ser uma piscina biológica para uso público». Além da requalificação da zona, o projeto prevê a criação de uma «zona de piscina infinita, para que o utilizador tenha um nível de conforto, e para que o espaço seja de contemplação da natureza e da paisagem». Quer-se ainda que «a purificação da água seja feita através de processos naturais» e que se criem «estruturas para que exista uma zona que possa ser explorada comercialmente». O proponente sugere ainda que se aproveite uma infraestrutura existente para a criação de um balneário.

Requalificação da “Eira da Maquina” – Entrada Sul de Serro Ventoso

Freguesia: Serro Ventoso
Proponente: Maria de Lurdes Cordeiro Neto

Neste local, pretende-se criar um parque verde e de lazer, com uma zona de parque de merendas. De acordo com o texto da proposta, a ideia é que haja também um «local com informação turística regional e um MUPI». Imprescindível será a construção de uma casa de banho, destacando a proponente a importância do «acesso a pessoas com mobilidade condicionada». A proposta contempla ainda a criação de um «parque de estacionamento para apoio a utilizadores dos percursos pedestres».

Requalificação do Circuito de Manutenção – Pedreiras

Freguesia: Pedreiras
Proponente: Ana Santo

Além de requalificar o percurso, Ana Santo propõe também a requalificação da sua envolvente. Na zona adjacente ao percurso, pretende-se a criação de «vários espaços lúdicos infantis, com equipamentos certificados, para várias idades». A proposta inclui ainda o aumento da capacidade do parque de merendas já existente, assim como «aproveitar o espaço amplo» ali perto, «onde se pode praticar badminton entre outros desportos, de forma livre». Nas imediações, deverá ser criada «uma zona de estacionamento de bicicletas». A proponente considera que este projeto vai acrescentar «valor à freguesia», tornando este espaço «diferenciador e único no concelho».

Pinhal do Povo

Freguesia: Calvaria de Cima
Proponente: Joel Morgado

O objetivo é construir um espaço de lazer no Pinhal do Povo, que inclua «equipamentos que promovam o convívio, em contacto com a natureza, entre as várias gerações». O projeto passa por criar um parque de merendas, «equipado com churrasqueiras, forno de lenha comunitário, bancada para preparação de comida e lavagem e instalações sanitárias». «O espaço de lazer potenciará as estruturas desportivas existentes e alargará a oferta de espaços públicos para ocasiões festivas», considera o proponente.

Via Pedonal da Lapa – Alqueidão da Serra

Freguesia: Alqueidão da Serra
Proponente: Cristóvão Amado

Este projeto também já não é estreante no Orçamento Participativo de Porto de Mós. O objetivo é «proporcionar aos peregrinos e a todos os caminhantes que passam pela localidade de Alqueidão da Serra a oportunidade de poder caminhar em segurança e usufruir da beleza da paisagem natural». De acordo com o texto da proposta, «a estrada que nos liga a Fátima, é hoje em dia usada por um grande número de peregrinos, bem como caminhantes que vêm apreciar a beleza da paisagem da nossa serra. O aumento de peregrinos e caminhantes, bem como o enorme aumento de tráfego, acarreta alguns riscos a esta experiência enriquecedora», pelo que vem este projeto ajudar a colmatar esses riscos.