O concelho de Porto de Mós, na qualidade de responsável máximo pela ADSAICA – Associação de Desenvolvimento das Serras d’Aire e Candeeiros, foi eleito para os órgãos sociais (2023/2025) da DESTINATURE – Agência para o Desenvolvimento do Turismo de Natureza, ocupando o lugar de vogal na Assembleia Geral. O anúncio foi feito, no passado dia 12, na reunião camarária, pelo vice-presidente, Eduardo Amaral, que nesse mesmo dia esteve presente na eleição, que decorreu na Serra da Gardunha. «É uma associação de desenvolvimento regional, que consegue ter uma abrangência e uma ligação de projetos entre o Norte e a Serra da Estrela», explicou, realçando a possibilidade de agora se poder fazer uma «ação mais concertada» e procurar «mais alguns financiamentos». «É importante abrir horizontes, não podemos pensar unicamente no nosso território e no nosso espaço», considerou.

Foto | iNature