Ao contrário daquela que é a tendência no resto do país, onde o Partido Socialista (PS) venceu nas eleições legislativas deste domingo, no concelho de Porto de Mós foi o Partido Social-Democrata (PSD) a ganhar com 37,76%, o que equivale a 4 707 votos, um valor ligeiramente acima dos resultados conseguidos nas legislativas de 2019. Em segundo lugar ficou o Partido Socialista (PS) que mereceu a preferência de 33,23% do eleitorado, o que corresponde a 4 143 votos, também acima do alcançado há três anos. Com 9,71% dos votos, o Chega foi a terceira força política mais votada no concelho, seguido pela Iniciativa Liberal (IL) com 5,26%.

Por freguesias, os resultados foram os seguintes:

Alqueidão da Serra – PS (36,73%)
Alvados e Alcaria – PSD (51,52%)
Arrimal e Mendiga – PSD (48,32%)
Calvaria de Cima – PS (38,67%)
Juncal – PS (36,81%)
Mira de Aire – PS (39,62%)
Pedreiras – PSD (36,51%)
Porto de Mós – PSD (38,56%)
São Bento – PSD (60,63%)
Serro Ventoso – PSD (44,05%)

A taxa de abstenção no concelho foi de 39,95%, ainda assim, menor do que se verificou nas legislativas de 2019 em que a percentagem de eleitores que decidiu não votar se fixou nos 43,22%.

Estavam inscritos para as eleições deste domingo, dia 30 de janeiro, 20 759 eleitores. Destes, votaram 12 466, cerca de 60,05% das pessoas que eram chamadas às urnas. Houve 200 votos em branco (1,60%) e 159 nulos (1,28%).