Pelo segundo ano consecutivo, e em ambos os casos pelo mesmo motivo – o zelo pela saúde pública – não vão realizar-se as Festas de São Pedro. No entanto, a Câmara decidiu promover uma iniciativa a que chamou Evocação do Dia do Município, com atividades entre os dias 26 de junho e 4 de julho. A atividade mais prolongada no tempo cria uma nova versão das tasquinhas, em take-away. A gastronomia é um marco nas Festas de São Pedro, tantas vezes a ver o seu nome popularmente substituído por Tasquinhas e, neste ano, essa vertente estará também presente, durante todos os dias do evento, nas diversas associações que decidiram aderir. Cada associação confecionará determinados pratos nas suas instalações, ou num local por si definido, sendo possível ao público encomendar e levantar, para depois apreciar em suas casas. A lista das associações aderentes, assim como os seus contactos e os pratos que terão está disponível no site da Câmara Municipal.

A 26 de junho vai decorrer a cerimónia presencial de entrega dos Prémios Dom Fuas. Na Praça da República, serão galardoadas 41 empresas, duas personalidades e uma unidade de saúde, numa cerimónia marcada para as 17 horas e que será transmitida nas redes sociais da autarquia. Como vem já sendo hábito nos últimos anos, serão distinguidas as empresas do concelho que ganharam o estatuto, atribuído pelo IAPMEI, de PME Líder e PME Excelência, nos últimos dois anos (uma vez que no ano passado a cerimónia não se realizou). Além disso, vão ser premiadas as 10 maiores exportadoras do concelho, nos anos de 2018 e 2019, distinção atribuída pela AICEP. Serão ainda atribuídos dois Prémios Responsabilidade Social e dois Prémios Carreira, mais uma vez relativos aos dois últimos anos.

No dia 27, haverá missa campal, pelas 11 horas, no Largo de São João. E neste mesmo dia, entre as 14 e as 20 horas, Porto de Mós será “retratado” no programa Somos Portugal da TVI. No dia seguinte, véspera do feriado municipal, haverá desfile das marchas populares, no centro da vila sede de concelho, a partir das 21 horas.

O Dia de São Pedro, terça-feira, é o mais preenchido. Uma das iniciativas é a entrada gratuita, no Castelo de Porto de Mós. Para as 10h30 está agendada uma homenagem em calçada portuguesa aos profissionais de saúde, no Parque Almirante Vítor Trigueiros Crespo. Às 11h30, será inaugurada a Casa dos Cantoneiros, na Ribeira de Cima. A partir das 15 horas, pelas ruas da vila, haverá Festival de Magia. Uma hora depois, celebra-se São Pedro, com uma missa solene, na Igreja.

Nesse mesmo dia, numa parceria entre a Câmara e a Associação Folclórica da Região de Leiria – Alta Estremadura, há Baile dos Pastorinhos, no Parque Almirante Vítor Trigueiros Crespo, a partir das 17h30. De recordar, que esta é uma iniciativa que pretende pôr a comunidade a dançar, preservando e divulgando as danças típicas da região. Às 19 horas, no Castelo, será apresentado o CD Músicas de Porto de Mós. O dia termina com fogo de artifício, lançado do Castelo, às 22 horas.

A Evocação do Dia do Município termina a 4 de julho com a Missa de São Pedro, em formato drive-in, a partir das 16 horas, no recinto das Festas de São Pedro. O programa mais detalhado está disponível na página do Município.