Início » Visit(e) Porto de Mós: uma página de Instagram que convida ao concelho

Visit(e) Porto de Mós: uma página de Instagram que convida ao concelho

23 Agosto 2023
Bruno Fidalgo Sousa

Texto

Partilhar

Bruno Fidalgo Sousa

23 Ago, 2023

A 7 de outubro do ano passado, nascia no Instagram uma nova página, com um nome que, mesmo para quem sente mais dificuldades ao nível do inglês, espelha claramente o seu propósito: Visit(e) Porto de Mós. É quase um convite, lá está, para que o concelho onde habitam os três integrantes do projeto se dê a conhecer ao mundo, mais concretamente através do “arroba” @visitportodemos. Nas palavras do «elemento mais ativo» do projeto, o juncalense Paulo Ascenso, de 50 anos: «Postamos lugares agradáveis de se visitar, focamo-nos em pormenores que achamos interessantes de serem mostrados, deslocamo-nos a eventos realizados na área residencial do concelho, misturamo-nos com os cidadãos e mostramos a perspetiva que todos vemos». Com ele estão Nuno Ascenso e Adriana Loureço, um juncalense e uma portomosense, ambos com formação na área da multimédia, e os respetivos equipamentos, que vão desde as mais profissionais câmeras aos drones.

Na altura, o grupo reparou «que não havia páginas relativas ao concelho que não fossem a do Município, que se centra mais em conteúdos institucionais » (mas confessam que agora lhes é regularmente questionado se têm alguma ligação com a Câmara Municipal). Era algo que estava em falta, como relatam em entrevista conjunta ao nosso jornal, e então decidiram «mostrá-lo ao público em geral, numa perspetiva do cidadão comum ». Agora, cerca de 260 publicações e 2620 seguidores depois, o balanço é positivo, com «cerca de 60 mil impressões mensais» e «com tendência de crescimento», já que o número «disparou para as 100 mil impressões por altura das Festas de São Pedro», quando os três elementos do projeto se dedicaram «a tempo inteiro» à página. O que seria, aliás, «o ideal», pois «permitiria dar uma melhor cobertura de tudo o que se vai passando por Porto de Mós e pelo concelho», frisam. Atualmente todos têm projetos «em paralelo» e a página gere-se «conforme a disponibilidade». Mas o objetivo é mesmo «a expansão para as comunidades adjacentes», de forma a levar «a imagem do município além fronteiras» concelhias, o que pode fazer com que a equipa venha a crescer.

O grupo acredita que o concelho «tem muitas qualidades para mostrar» e daí não pretende parar. O maior desafio é «chegar a todo lado, como a equipa desejaria», mas para o combater contam com uma grande adesão portomosense.

“Uma rede da comunidade e feita para a comunidade”

O método de trabalho varia conforme a situação: «Saímos, vamos às aldeias, aos lugares, falamos com as juntas de freguesia, tentamos perceber o que mais valorizam nas suas aldeias, falamos com as pessoas e elas curiosamente dizem-nos o que devemos visitar, o que gostam de ver», explica o grupo. E essas mesmas pessoas «identificam- se e revêm-se» no projeto, «pois reconhecem-se, são de cá, são participativas, querem saber mais e falar mais do próprio concelho e vão ajudando a rede social a crescer, assim como outras pessoas de fora que já ouviram falar ou já por cá passaram e gostaram ou fazem planos de voltar». Muitas delas partilham inclusive fotos com o grupo ou fazem referência à página no Instagram, que depois são partilhadas pela Visit Porto de Mós, de tal modo que até os próprios integrantes «descobrem coisas interessantes » que desconheciam ou passavam despercebidas. Daí que digam ser «uma rede da comunidade e feita para a comunidade». «Temos também alguns eventos programados que vão permitir uma aproximação e interação cada vez maior entre todos», explicam ao nosso jornal. No feed da página há uma série de destaques, desde o “eventos on”, passando pelo “Castelo”, pelos “locais a visitar” ou pela “Festas de São Pedro 23” e terminando na “comunidade”.

Instados a opinar sobre a importância deste tipo de páginas de divulgação, não têm dúvidas: «Há lugar para todos desenvolverem os conhecimentos e os diferentes pontos de vista em prol do concelho. Todos temos a ganhar com isso: os habitantes, os visitantes, as entidades políticas, desportivas, comerciais, privadas. Temos muito para mostrar», consideram.

Publicidade

Este espaço pode ser seu.
Publicidade 300px*600px
Half-Page

Primeira Página

Em Destaque